Auriculoterapia

A auriculoterapia é um método de tratamento que se assemelha à acupunctura e é praticada no pavilhão da orelha.

Nos tratamentos utilizam-se agulhas esterilizadas de diversos tipos e de uma única utilização (agulha clássica de acupunctura colocada por breves minutos, agulha semi-permanente que permanece durante dias ou semanas), ímans variados, impulsos eléctricos, lasers que imitem infravermelhos ou ainda projecções de cores.

Os tratamentos de auriculoterapia são praticados após um diagnóstico médico clássico. A detecção dos pontos pode ser feita através de um dispositivo electrónico adaptado ou por uma avaliação clínica (inspecção visual, palpação dolorosa, variações do pulso radial).

A auriculoterapia pode ser utilizada com eficácia nos problemas funcionais, na parte funcional dos problemas orgânicos e em complemento aos tratamentos clássicos de numerosas doenças. A agulha pode causar uma leve dor, tolerável, mas os outros tratamentos são indolores. Sintomas banais (sensação de relaxamento, de moleza, etc.) podem-se manifestar nos dias seguintes à consulta tal como acontece na acupunctura. Uma exacerbação dos sintomas é possível nas 24h/36h segundo a reactividade do doente e as doenças presentes.

(Collège Français d’Acupuncture)

Nas consultas que pratico, este método é muitas vezes utilizado em complemento com outras técnicas, embora, mesmo depois do tratamento psicológico terminar, o tratamento com auriculoterapia possa continuar, sendo efectuado com o intervalo de semanas/meses.

Os melhores resultados têm sido obtidos em problemas alimentares, sendo vulgar o paciente sentir uma redução do apetite, que, juntamente, com a modificação dos seus hábitos alimentares e de estilo de vida, poderá levar a uma diminuição de peso.